Registo Digital Aéreo [ADRS]

 

O sistema de Registo Digital Aéreo (Airborne Digital Recording System [ADRS]) é um dos módulos do sistema de Inspecção Aérea de Manutenção.

Este sistema adquire e realiza uma gravação digital sincronizada de dados de inspeção de vários sensores. Ao mesmo tempo, ele fornece múltiplos fluxos de dados, tanto a partir de dados ao vivo e gravados. Com a criação de gravações digitais referenciados pelo tempo e pelo espaço, o sistema melhora a disponibilidade dos dados de inspeção para a gestão do ciclo de vida das linhas elétricas.

O sistema pode facilmente integrar múltiplos canais de áudio e vídeo, incluindo câmeras de vídeo, termográficas e UV, lasers e sensores GPS. Além disso, o sistema pode acomodar outros tipos de sensores, adicionando os conversores de dados apropriados. O ADRS é o equivalente digital georeferenciado de um gravador.

O sistema de gravação digital é operado através de uma interface web acessível com os vários tipos de navegadores. Isso permite que mais de que um operador possa executar tarefas de inspecção interativas de forma independente, sem perturbar a gravação ao vivo. Além disso, os operadores podem anotar a gravação utilizando marcadores. Isso torna possível recuperar apenas a parte do vídeo em que o operador estava a processar um ponto de interesse, em vez de ter de navegar através de longas gravações. Visto que a gravação é sincronizada e no mesmo sistema integra sensores múltiplos, são imediatamente obtidos os dados adquiridos a partir de outros sensores.

Todos os dados são registados com a data e hora de um relógio inserido no servidor e as coordenadas GPS para definir um referencial comum para a base de dados. Dessa forma, cada imagem está associada a um tempo e espaço, o que permite a recuperação de dados utilizando estes dois tipos de referências. Uma vantagem do sistema de gravação digital é que ele permite que os dados sejam extraídos dada uma referência geográfica, tal como uma região rectangular de um mapa.

A interface do sistema web de Gravação Digital pode ser flexível e adaptável para atender às necessidades específicas de cada organização. Não só os recursos de interface podem ser alterados dependendo do tipo de dados necessários na missão como também a maneira pela qual os dados são apresentados na interface. Esta abordagem coloca o sistema de gravação digital mais perto das necessidades dos bancos de dados de manutenção e gestão de activos, não se tornando um sistema adicional a que a organização deve adaptar-se, mas um sistema que se adapta à organização.

adrs02_20100129

Airborne Digital Recording System com 4 entradas de vídeo analógicas,

2 entradas de áudio, 1 porta série, 1 entrada antena GPS e

3 ligações de dados TCP/IP.